A recusa em experimentar novos alimentos pela criança é relato frequente de mães e pais. É importante lembrar que cada fase da infância apresenta características específicas e que cada criança é única, portanto o processo será único também. Podemos pensar em 5 dicas práticas para incentivar a aceitação de novos alimentos pela criança:

1. Dar o exemplo, comer o mesmo que é oferecido às crianças.

O ambiente proporcionado pela família em casa tem influência importante no que as crianças vão comer. Desta forma, quanto maior a demonstração e o exemplo de consumo, a familiaridade com o alimento será maior. Ao observar pessoas conhecidas comendo o que lhes é oferecido, elas podem sentir-se mais confiantes para experimentar.

2. Oferecer o mesmo alimento algumas vezes, de formas variadas e em momentos diferentes.

Podem ser necessárias várias exposições ao sabor, aroma e textura do alimento para a criança se acostumar e passar a aceitá-lo. Por exemplo o brócolis, pode ser oferecido cozido como salada, no arroz, na torta de legumes, no omelete, no suflê, cuidando para espaçar os dias de oferta.

3. Tornar a comida acessível.

A praticidade é fundamental para fazer boas escolhas. Por exemplo: deixar as frutas descascadas e picadas na geladeira, as verduras e os legumes higienizados, são boas estratégias para facilitar no momento das refeições e lanches.

4. Tornar as refeições em família momentos agradáveis.

A preferência pelos alimentos também é adquirida quando eles são consumidos em momentos agradáveis. Realizar as refeições em família com tranquilidade, prazer e alegria é fundamental para incentivar o consumo de novos alimentos.

5. Envolver as crianças na compra e no preparo dos alimentos.

Isso ajuda a ampliar o contato com a comida e a despertar o interesse pelos alimentos. Levar as crianças a feiras, sacolões, mercados e preparar os alimentos juntos, sempre de forma segura com relação ao contato com facas e fogo.

Lembre-se de que é um processo e como tudo em nossa vida, paciência e amor são ingredientes fundamentais.

Se você desejar ajuda neste processo, conte comigo!

Related Posts

Leave a Reply

Categorias

Open chat